29 de dezembro de 2013 às 13h25min - Por Mário Flávio

image

Depois das entrevistas do prefeito de Caruaru, Zé Queiroz (PDT), e do vice-governador João Lyra (PSB), na sexta (27), em emissoras de rádio na mesma manhã, o que ficou principalmente destacado foram as críticas de João à atual gestão municipal, e à prestação de contas de Queiroz, evitando polêmicas. Mas o deputado federal Wolney Queiroz, filho do prefeito, alfinetou, via twitter, a relação “morde-assopra” demonstrada publicamente entre os dois políticos.

No contexto

Em entrevista, Queiroz diz que Sulanca, Revitalino e asfalto na zona rural serão prioridades em 2014

“@WolneyQueirozM: Ontem, Zé Queiroz elogiava João Lyra numa rádio de Caruaru e João Lyra criticava Zé Queiroz em outra rádio. Talvez os dois estejam errados”, avaliou o deputado.

A alfinetada significa que, segundo Wolney, a postura de João, em suas críticas públicas, não é apropriada, já que ele próprio integra o mesmo grupo político de Zé, pelo menos por enquanto. Por outro lado, a postura do prefeito, em insistir numa relação amistosa superficial, segundo o pensamento de Wolney, pode não se sustentar.

Dois bicudos não se bicam, tentar forçar uma relação sem afinidades não adianta e as críticas ao governo só demonstram o rumo a uma possível polarização entre quem apoia Zé e quem estiver ao lado de João nas próximas eleições municipais.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro