2 de janeiro de 2012 às 22h48min - Por Mário Flávio

De 2012 a 2013 o Tribunal de Contas de Pernambuco será presidido pela conselheira Teresa Duere, o que se torna um marco histórico, pois ela será a primeira mulher a assumir esse cargo em 44 anos de história do órgão. A cerimônia de posse foi realizada nessa segunda-feira (02)

O governador Eduardo Campos esteve presente na cerimônia e citou que a posse de Teresa é “símbolo de um novo tempo” marcado pela redução das diferenças de gênero. “As mulheres estão ocupando os espaços que lhe são devidos. Uma sociedade com menos diferença é uma sociedade com mais paz, com mais compreensão e mediação de conflitos”, explicou.

O governador também destacou a importância do controle exercido pelo TCE para a garantia de qualidade dos gastos públicos. Eduardo apoiou a decisão da nova presidenta, que definiu como prioridade da sua gestão o acompanhamento das decisões dos vereadores. A partir de agora os parlamentares deverão justificar legalmente a aprovação ou rejeição de pareceres do TCE. “Se cada órgão público fizer portais de transparência cada vez mais aperfeiçoados, a gente melhora os gastos e a confiança da população nos poderes constituídos”, completou o governador.

Foram empossados ainda Valdecir Pascoal (Vice-presidência); Carlos Porto (Corregedoria); Marcos Loreto (Ouvidoria) e Romário Dias (Escola de Contas Públicas Professor Barreto Guimarães).

Para Eduardo Campos, posse de Teresa Duere é símbolo de novo tempo

 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro