13 de fevereiro de 2014 às 07h55min - Por Mário Flávio

A deputada Raquel Lyra (PSB) esteve nesta quarta-feira (12) na tribuna da Assembleia Legislativa para registrar o aniversário da Fazenda da Esperança – entidade que atua na recuperação de dependentes químicos no Brasil e em vários outros países. Ela ressaltou que no último domingo (09) esteve em São Joaquim do monte (Agreste), local onde está instalada a unidade da Fazenda da Esperança em Pernambuco, para assistir a uma missa celebrada pelo bispo de Caruaru, Dom Bernardino Marchió, e afirmou ter ficado impressionada com o excelente trabalho realizado pela entidade, que citou como exemplo a ser seguido por outras organizações de recuperação de dependentes químicos.

A parlamentar aproveitou para manifestar sua preocupação com os números revelados por uma pesquisa realizada no final do ano passado pela Fiocruz – sob encomenda da Secretaria Nacional de Políticas Sobre Drogas. O levantamento, feito nas 26 capitais brasileiras e no Distrito Federal, indicou que, atualmente, cerca de 370 mil pessoas fazem uso regular de crack ou formas similares de cocaína fumada, como pasta-base, merla e oxi. Mais ainda: o contingente de dependentes químicos encontrado pela pesquisa representa 35% do total de consumidores de drogas ilícitas – com exceção da maconha – nesses 27 municípios.

Ou seja, o total estimado de dependentes chega aproximadamente um milhão de brasileiros.
Esses dados, segundo Raquel Lyra, reforçam a necessidade constante de políticas públicas que incentivem a cultura, o esporte e principalmente, a educação, como forma de manter as pessoas distantes do vício e da dependência. “Por todas essas razões é que parabenizo o trabalho desenvolvido pela Fazenda da Esperança, bem como o de todas as instituições que se dedicam a um trabalho sério de recuperação de vidas”, completou.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro