11 de dezembro de 2012 às 15h25min - Por Mário Flávio

Jackson Bezerra, coordenador do Sinpro, diz que há oito anos professores lutam por melhorias

Os professores da Rede Municipal de Passira – interior de Pernambuco – decidiram paralisar as atividades por tempo indeterminado; até que a Prefeitura da cidade efetue o pagamento dos salários atrasados referentes ao mês de novembro, décimo terceiro, 1/3 de férias e o vencimento do mês de dezembro deste ano.

Segundo o coordenador Geral do Sindicato dos Professores de Pernambuco (Sinpro-PE), Jackson Bezerra, há uma expectativa de melhora na próxima gestão da prefeitura em Passira. “Faz oito anos que os professores lutam para melhoria da educação no município. Durante esse tempo a categoria sofreu com práticas sindicais e foi perseguida. Além das instituições permanecerem sem estrutura para ensino e o agravante desvio do recurso FUNDED (Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica).”

Nesta quarta-feira (12), às 11h30, será realizada uma audiência com o promotor de justiça solicitando bloqueio das contas do FUNDEB para garantir o pagamento e regularização dos vencimentos em atraso dos docentes. Em paralelo, os professores realizam uma nova assembléia, às 11h, para definir uma agenda de mobilizações.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro