11 de março de 2014 às 12h35min - Por Mário Flávio

20140311-123716.jpg

O líder do PT no Senado, Humberto Costa, defendeu, hoje, um debate eleitoral de alto nível. Segundo o parlamentar, a oposição insiste em fazer ataques pessoais e não apresenta novas propostas para o País. ”Não adianta fazer a crítica e não qual dizer o caminho a ser seguido. Se o debate nesta eleição for de ideias, o Brasil vai ganhar. Mas se ele tomar o aspecto das agressões, acredito que a coisa pode descambar por um caminho que o povo não deseja”, avaliou o senador em entrevista à Rádio Jornal.

A fala de Humberto foi motivada pelas recentes declarações do governador Eduardo Campos (PSB) de que o Brasil “não aguentava mais Dilma”. “O governador Eduardo Campos elevou demais o tom. Esses não são termos adequados tratar seja governador, seja um presidente. Temos que fazer uma campanha de alto nível e não com agressões pessoais”, rebateu o petista.

O senador, inclusive, deve voltar a tratar do tema. Nesta tarde, em discurso no plenário do Senado. O discurso deverá ser transmitido pela TV Senado às 14h.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro