23 de abril de 2013 às 06h55min - Por Mário Flávio

A Secretaria da Casa Militar dá continuidade ao Curso Operacional de Proteção e Defesa Civil (COPDC) que qualifica Coordenadores e Agentes de Defesa Civil municipais. A partir desta terça-feira, (23), o curso será ministrado em Garanhuns para representantes da Defesa Civil de cidades daquela região. A solenidade de abertura será no auditório da CODEAM – Comissão de Desenvolvimento do Agreste Meridional. O prefeito de Garanhuns, Izaías Régis (PTB) e o secretário da Casa Militar, Cel Mário Cavalcanti deverão participar.

No curso serão abordados aspectos teóricos e práticos acerca da Defesa Civil como o histórico, atribuições nas diferentes esferas de governo, de acordo com a legislação vigente, sobre como funciona a política nacional, conceitos, manuais e as diferentes fases de atuação ligadas ao trabalho a ser desenvolvido em situações de desastres e calamidades. Os participantes irão receber orientações básicas a respeito das ações de Defesa Civil e como se preparar para enfrentar desastres naturais, seja estiagem, chuvas ou aqueles provocados por outros fenômenos como a erosão. Apesar de estarem vivenciando um período de estiagem, as cidades do Agreste também devem se preparar para o inverno uma vez que a quadra chuvosa no Agreste coincide com a incidência de chuvas na Zona da Mata e RMR, entre meados de abril e meados de agosto.

No segundo dia, as aulas serão realizadas na Faculdade AESGA – Autarquia Superior de Garanhuns, das 9 às 17h. Na quinta-feira, os participantes realizarão uma dinâmica do programa Proteção e Defesa Civil nas Escolas, onde repassarão noções de Defesa Civil a alunos de Educação Infantil (a partir dos 4 anos) e do Ensino Fundamental (até 14 anos) do Colégio Municipal Padre Agobar Valença. O objetivo é envolver a comunidade nas ações de prevenção e, ao mesmo tempo, mostrar aos municípios como elaborar campanhas educativas com a população. A aula usará como recurso a apresentação do Cordel, “Toda Cidade Nasce de um Rio”, com texto de autoria do Caitão BM Wladimir De Paula e ilustração de Marcus Asbarr.

Os versos falam da importância do rio e da necessidade da população preservá-lo. A dinâmica da aula é apresentar o cordel e pedir que os estudantes interpretem a estória através de desenhos. Os agentes de Defesa Civil que estão fazendo o curso atuarão como facilitadores. À tarde, das 14 às 15:30h está prevista uma visita técnica no Bairro Liberdade, onde está localizada uma área de risco de acidentes por erosão, consequência dos efeitos da Vessarosa. Após a visita, os participantes do Curso de Operações e Proteção em Defesa Civil retornam para as aulas na Faculdade AESGA.

Na sexta-feira (26) o encerramento do Curso será realizado no Colégio Municipal Padre Agobar Valença, onde haverá a premiação dos três melhores desenhos dos estudantes que participaram do programa Proteção e Defesa Civil nas Escolas. Este é o quinto módulo do COPDC que a Secretaria da Casa Militar promove este ano. Ao todo são sete cursos desse tipo, abrangendo todos os 184 municípios. Já foram realizados os módulos para os municípios da Mata Sul, da Mata Norte, para os da Região Metropolitana do Recife e para parte do Agreste, que aconteceu no início do mês em Santa Cruz do Capibaribe. Até o final de maio serão realizados mais dois para os municípios do Sertão. O objetivo é prevenir os desastres, e minimizar as causas e efeitos dos eventos adversos.

Para este módulo são esperados representantes da Defesa Civil de 73 Municípios. Desses, 27 são convidados novos previstos para este módulo do curso.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro