13 de agosto de 2013 às 07h25min - Por Mário Flávio

20130806-211500.jpg

Seguem os atropelos nas relações entre o vereador Cecílio Pedro (PTB) e a Secretaria de Relações Institucionais da Prefeitura de Caruaru. Na semana passada, ele não compareceu a uma reunião da base governista com o prefeito Zé Queiroz (PDT), por não ter sido atendido outras vezes em que procurou o Chefe do Executivo. Depois disso, a referida secretaria enviou nota, por meio da assessoria, em que garantia que o gabinete do prefeito estava aberto para reuniões com o vereador. O problema é que o petebista disse não acreditar nisso, referindo-se diretamente o responsável pela pasta, Marco Casé, que também é presidente do PTB em Caruaru.

No contexto

Cecílio dispara: “Pedi reunião com Queiroz várias vezes, ele não atendeu, então só porque ele chamou eu tenho que ir?”

Secretaria de Relações Institucionais diz estar à disposição para atender queixas de Cecílio Pedro

Marco Casé: “Com 23 vereadores, há um aumento nas demandas e a principal é o pedido de emprego”

“Se ele está dizendo que as portas estão abertas, é mentira dele. Às vezes em que estive lá, as portas estavam fechadas”, disparou o vereador contra Marco. Esse é mais um episódio que revela o ruído de comunicação entre edis e Executivo Municipal, mas no caso de Cecílio, o tom da crítica é mais agressiva, inclusive quando se refere ao próprio prefeito e até ao filho dele, o deputado federal Wolney Queiroz (PDT).

“Durante a campanha, para ir à minha chácara, ele o filho dele sabiam ir me visitar, lá havia lideranças, agora não há mais?”, acrescentou Cecílio, referindo-se a uma propriedade dele em Terra Vermelha, zona rural de Caruaru. Da semana passada, a reunião da base governista passa a impressão de que não funcionou para esclarecer as insatisfações de alguns vereadores.

 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro