9 de janeiro de 2012 às 16h55min - Por Mário Flávio

Inaugurado pela Autarquia de Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra) em dezembro de 2010, a Zona Azul Eletrônica de Caruaru só entrou em funcionamento pleno no dia 10 de janeiro 2011, depois de um mês em fase educativa. Com um ano de funcionamento pleno, o sistema registrou cerca de 450 mil bilhetes emitidos. Além disso, 632 motoristas fizeram o cadastro no site e atualmente podem ativar seus bilhetes por telefone.

“Procuramos trazer o que havia de mais moderno no Brasil. É gratificante perceber que a Zona Azul agradou. Alguns comerciantes nos pediram a implantação do sistema em ruas que não estavam em nosso planejamento inicial, outros agradeceram a instalação do Estacionamento Rotativo”, comentou Cel. Clovis Cavalieri, Diretor Presidente da Destra.

Outros dados da Serttel, empresa responsável pela administração do sistema, indicam que o tempo médio de permanência em cada vaga é de 01h16min.  Das 1.183 vagas disponíveis 79% delas, em média, são ocupadas diariamente. Nos dias de Feira da Sulanca esse número aumenta e a ocupação chega quase à totalidade, já que o número de visitantes também é maior. O gerente de fiscalização da Destra, Alex Monteiro, lembra que o descumprimento das regras do estacionamento regulamento – Zona Azul – acarretará ao condutor, por ser uma infração leve, três pontos na carteira mais multa de R$ 53, 20.

O condutor continua podendo comprar créditos nos pontos de venda, localizados em bancas de revista, farmácias, lanchonetes e lojas; com as monitoras que são identificadas pela farda; ou pelo celular ligando para o telefone (81) 3722-3399. Para comprar créditos pelo celular o motorista precisará fazer o cadastro no sitewww.mobilicidade.com.br/caruaru. Estes créditos serão debitados na fatura do cartão de crédito da escolha do usuário. Na página inicial do site www.destracaruaru.com.br há um link que levará direto a página de cadastro.

Fonte: Secom Caruaru

 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro