13 de janeiro de 2021 às 10h25min - Por Mário Flávio

O YouTube anunciou nesta quarta-feira (13) que decidiu suspender temporariamente o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

O mandatário ficará impedido de enviar novos vídeos ou fazer transmissões ao vivo por pelo menos sete dias.

A plataforma citou preocupações sobre o potencial contínuo de violência. Na semana passada, incentivados por Trump, partidários invadiram o Capitólio dos Estados Unidos e atrapalharam o processo de certificação de Joe Biden, que toma posse no próximo dia 20.

“Após análise, e à luz das preocupações sobre o potencial contínuo de violência, removemos o novo conteúdo enviado ao canal de Donald J. Trump por violar nossas políticas. Agora ele tem seu primeiro aviso e está temporariamente impedido de enviar novo conteúdo por um mínimo de sete dias”.

O canal segue no ar, mas além do impedimento de publicação de novos vídeos, os comentários de usuários também foram desativados indefinidamente.

A decisão do YouTube segue a de outras mídias sociais, como Twitter, Facebook e Instagram. As empresas impuseram restrições à conta do presidente depois das declarações do republicano impulsionarem a invasão ao Congresso estadunidense.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro