13 de julho de 2015 às 16h04min - Por Mário Flávio

  
O deputado federal Wolney Queiroz (PDT) participou de entrevista no Jornal das 7 desta segunda-feira (13). Ele tocou em vários assuntos e destacou a situação do partido no estado. O presidente da legenda em Pernambuco garantiu que o partido vai marchar junto ao PSB nos próximos meses e que o acordo para a eleição de 2016 está praticamente garantido, ao contrário do que disse a vereadora do Recife, Isabella de Roldão. 

“Temos dois companheiros na prefeitura do Recife ocupando secretarias importantes e não existe, em hipótese alguma, a intenção de sair do governo. A fala da vereadora Isabella de Roldão é descolada. O grupo do PDT que faz oposição à prefeitura é minoria. Estivemos com o governador Paulo Câmara na campanha, eu, o prefeito José Queiroz, o presidente da Assembleia Guilherme Uchoa e outras lideranças”, lembrou. 

Sobre a situação local, o pedetista voltou a frisar que não existe possibilidade de aliança com os Lyra. “Não é uma questão pessoal contra Raquel ou João Lyra. Mas temos que apoiar em 2016 um candidato que siga a linha da gestão do prefeito José Queiroz e durante esses oito anos, nenhum dos dois esteve conosco. O nosso candidato pode ser Douglas Cintra, algum técnico, temos vários nomes bons e ainda tem o companheiro Jorge Gomes, que já foi o nosso candidato em 2000, e é do PSB. Tudo será definido em breve. Vamos conversar com os nossos vereadores, as lideranças e aliados, para chegar a um nome de consenso”, frisou. 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro