4 de novembro de 2013 às 08h55min - Por Mário Flávio

O caruaruense Manoel Messias foi um dos políticos mais perseguidos pela ditadura militar. Ele foi torturado, preso por várias vezes e ainda teve o mandato de vereador cassado em 1964. Na semana passada ele recebeu, de forma simbólica, o mandato de volta, numa sessão Solene na Câmara de Caruaru.

Em um discurso ele relembrou histórias da época de chumbo e emocionou a todos os que estavam na Casa Jornalista José Carlos Florêncio, onde ele deveria ter exercido o mandato. Abaixo parte do discurso do professor.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro