2 de janeiro de 2014 às 07h55min - Por Mário Flávio

20140101-211527.jpg

Os 10 vereadores de Caruaru que foram presos na semana do Natal devem entrar na justiça nesta quinta-feira (02) para rever os mandatos. Eles estão afastados por 180 dias por meio de decisão do Juiz José Fernando de Santos Souza, após ser deflagrada a Operação Ponto Final. Em uma decisão inédita, o magistrado decidiu que o presidente de Câmara, vereador Leonardo Chaves (PSD), nomeasse os suplentes, e suspendeu os mandatos dos edis que foram presos por seis meses. A Casa preferiu não recorrer da decisão.

Como o Tribunal de Justiça estava em recesso, os vereadores só irão ter como entrar com recurso hoje. Mesmo afastado das funções os edis seguem com a garantia de receber os salários. O problema é que a nomeação dos suplentes gerou mais 10 vagas de vereadores e no mês de janeiro, a Câmara vai ter que pagar salários a 33 vereadores.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro