23 de janeiro de 2013 às 10h25min - Por Mário Flávio

O governador Eduardo Campos assinou nesta terça-feira (22/01) o decreto que estabelece a criação da Empresa Pernambuco de Comunicação (EPC). A cerimônia aconteceu na sede provisória do Governo, no Centro de Convenções. “A EPC deve mostrar Pernambuco aos pernambucanos”, declarou o governador, explicando que a nova empresa deve garantir, no mínimo, 15% de conteúdo regional e 10% independente em sua programação semanal.

“Todo o processo de estruturação da EPC surgiu do diálogo com a sociedade. O desafio é fazer avançar os veículos de comunicação e os meios para poder sustentar a produção nacional de conteúdo”, explicou Eduardo, frisando que a empresa é mais um passo para garantir a expressão cultural de Pernambuco, que já ocupa um lugar de destaque no Brasil e no Mundo.

Marcelino Granja, secretário de Ciência e Tecnologia, avisou que o conteúdo produzido pela EPC deve ser um complemento para a programação da rede privada e aproveitou para agradecer o esforço do governador na implantação da EPC. “As empresas privadas cumprem um papel relevante, mas não dão conta da diversidade do nosso Estado”, completou o secretário.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro