26 de agosto de 2013 às 16h25min - Por Mário Flávio

Tony Gel2

Em pronunciamento na tarde desta segunda-feira (26), na Assembleia Legislativa de Pernambuco, o deputado estadual Tony Gel (DEM) criticou que a chegada de grupos de médicos cubanos a Pernambuco teria infringido a Lei do Jaleco, de autoria dele, que proíbe médicos, enfermeiros e profissionais de saúde de usar jaleco fora de hospitais e ambientes de trabalho em saúde no estado de Pernambuco, ainda que se ressalte que a chegada caracterizada dos médicos foi um gesto simbólico.

Avaliação dos médicos estrangeiros começa nesta segunda-feira (26)

O parlamentar também criticou o curto período de tempo que os profissionais terão para aprender o nosso idioma. “O português é uma língua muito difícil para se aprender em apenas três semanas. Como esses médicos vão entender, por exemplo, a linguagem informal do nosso povo do interior?”, questionou.

Apesar das observações, Tony Gel disse que não é contra a vinda de médicos estrangeiros para o Brasil. “Os irmãos cubanos merecem todo o nosso respeito. Gostaria inclusive que todos se submetessem ao teste do Revalida para que possam trabalhar em igualdade de direitos com os médicos brasileiros. Quando esses médicos se acostumarem com a democracia brasileira, não vão mais querer voltar para a ditadura cubana”, enfatizou.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro