TJPE homenageia o professor Humberto Vasconcelos

Jorge Brandão - 05.10.2022 às 11:25h
Foto: Saulo Moreira

O presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), desembargador Luiz Carlos de Barros Figueirêdo, entregou, nessa terça-feira (4), a Medalha da Ordem do Mérito Judiciário Desembargador Joaquim Nunes Machado ao professor Humberto Costa Vasconcelos.

A medalha é a mais alta comenda concedida pelo Judiciário pernambucano. O professor, que dedicou 50 anos de sua vida à Justiça, tendo trabalhado no TJPE, Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) e Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), recebeu a medalha na categoria “Diversidade religiosa”.
Além de professor, ele é orador espírita. A entrega foi feita nesta terça porque o homenageado não pôde comparecer no dia da solenidade, em agosto passado.

Durante a entrega, o presidente do TJPE fez questão de enaltecer a trajetória do professor. “Meu sentimento é de gratidão e de felicidade por homenagear, no ano do bicentenário do Tribunal de Justiça, o professor Humberto Vasconcelos. Seu trabalho em prol da Justiça é notável, digno de todos os elogios. O professor é uma dessas pessoas que se doaram à causa de aproximar o Judiciário das pessoas”, disse o desembargador Luiz Carlos Figueirêdo.

Ao lado do filho, o desembargador Humberto Costa Vasconcelos Júnior, o professor Humberto disse que estava muito feliz com a homenagem. Ele lembrou que trabalhou no TJPE quando existiam apenas sete desembargadores na Corte, o que aproximou muito as pessoas, tanto magistrados quanto servidores. “Tive a honra de construir toda uma vida ligada à Justiça e sempre me senti muito feliz com isso”, disse o agraciado.

Além de trabalhar nos três tribunais já mencionados, o professor Humberto Vasconcelos dedicou sua vida à educação. Ensinou latim, português, literatura e comunicação. A experiência e o conhecimento adquiridos no TRE também o levaram a lecionar direito eleitoral.