16 de janeiro de 2017 às 10h19min - Por Mário Flávio


Em decisão liminar em sede de Mandado de Segurança, o Sismuc Regional, conseguiu junto à 1ª Vara da Fazenda Pública o pagamento e a garantia do adicional de 1/3 de férias aos professores da municipalidade, uma vez que o ex-gestor do Município havia pago de forma alienatória apenas alguns professores, em detrimento a grande maioria, de acordo com a assessoria do sindicato.

Segundo o Presidente do Sismuc, Eduardo Mendonca, “é a vitória de um direito, de uma garantia que não precisava buscar judicializar, mas infelizmente nem todo gestor tem essa sensibilidade, e aí temos que bater a porta da Justiça. Ainda bem que o Juiz teve o discernimento que o direito é bom, líquido e certo”, disse. 

E dispara: “estamos entrando em outra gestão, e esperamos sinceramente que os entendimentos sejam diferentes em relação ao ex-prefeito, porque direito é direito, e estes devem ser sacramentados sem termos que buscar sempre o judiciário”, concluiu. 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro