7 de março de 2013 às 11h55min - Por Mário Flávio

20130307-092334.jpg

O ano parece que ainda não começou para o depurado estadual Tony Gel (DEM), que segue evitando abordar temas que envolvam de maneira direta ou indireta a cidade de Caruaru. Em 2013, a única fala de destaque do ex-prefeito de Caruaru foi para comemorar os 120 anos de emancipação política da cidade. Mas o que há por trás do silêncio do democrata? Essa pergunta intriga até mesmo aos adversários de Tony, que desconfiam da postura e esperam por algum posicionamento no futuro.

Na Câmara o assunto é tema de debate nos corredores da Casa e para alguns adversários o ex-prefeito fecha os olhos para muitas situações devido a intenção de fazer parte do palanque de Eduardo Campos. “Não é só isso, ele está preparando o bote e na hora certa vai falar, Tony é esperto e a situação na Frente Popular é delicada, e pode ter certeza que para a eleição do ano que vem, ele vai saber usar isso”, disse um petista, que pediu reservas ao blog.

Se na oposição o silêncio de Tony é visto com desconfiança, entre os aliados dele a situação fica complicada. Tony perdeu o ânimo de liderar aos vereadores e suplentes e hoje o que se percebe são ovelhas sem rumo, a procura de um pastor. Val e Louro do Juá, já adiantem deixar o DEM e Jajá quer sair do PPS. Sem clima para fazer parte da base do prefeito Zé Queiroz (PDT), o destino do trio pode ser uma aliança com o vice-governador João Lyra, já que ele vem mantendo conversas com todos.

Está prevista para o dia 16 desse mês a volta de Tony Gel a Rádio Liberdade. Ele deve participar de segunda a sábado do programa matinal Show da Cidade, que segundo o Ibope, tem a maior audiência do horário. Resta saber se Gel vai pontuar questões de política ou fazer agenda social, mandando abraços e distribuindo afagos aos eleitores. A concer


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro