30 de maio de 2013 às 13h25min - Por Mário Flávio

20130530-121949.jpg

Quando houve reunião do Conselho Municipal de Transporte (COMUT) para discutir o reajuste das passagens de ônibus em Caruaru na sexta, 24 de maio, o membros da União dos Estudantes Secundaristas (UESC) tinham certeza de que o encontro seguinte do conselho seria no dia 3 de junho, algo definido entre os participantes presentes na mesa na ocasião. No entanto, em reunião antecipada nesta quinta (30), o reajuste para R$ 2,10 foi aprovado, sem a presença do movimento estudantil, além de outras duas entidades.

No contexto

Novo valor das passagens de ônibus em Caruaru será de R$ 2,10

COMUT não avança sobre reajuste de passagens, mas estudantes cobram auditoria em empresas de ônibus de Caruaru

Desta reunião ficaram de fora, além da UESC, representantes da Federação de Bairros, que justificou a ausência, e a Câmara de Dirigentes Lojistas de Caruaru (CDL). Em conversa com o blog, o presidente do COMUT, Sirone Rodrigues, garantiu que todos receberam comunicado sobre a realização da reunião.

“Pela Legislação do COMUT, acontecem reuniões do conselho a cada 3 meses. Noe tnanto, devido à importância da discussão desses temas, decidimos que as reuniões seriam toda primeira segunda-feira do mês, as 15 horas, na sede da Destra. Mas, como esse reajuste vinha sendo pautado há várias reuniões e na última reunião todos os participantes afirmaram que estavam conscientes da planilha, algo que ainda reforçamos, pois perguntamos se ainda havia alguma dúvida sobre a planilha, a gente resolveu por bem do sistema realizar essa reunião hoje, a qual foi convocada na terça-feira, com ofício para todos os membros”, justificou Sirone, garantindo que tem as assinaturas de confirmação de recebimento dos ofícios de todas as entidades.

Fora a votação antecipada do reajuste, Sirone explicou que houve consenso na votação. “A proposta apresentada na planilha, discutida em várias reuniões, era de R$ 2,12, mas em consenso, foi reduzido para R$ 2,10. A votação foi unânime e quanto à validação do reajuste, a votação será comunicada ao prefeito, que vai elaborar um decreto, o qual será divulgado no Diário Oficial. Com esses trâmites legais, esse novo valor de passar a vigorar a partir de 1 de junho”, completou.

Participaram da votação representantes da Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra); da Câmara de Vereadores; do Sindicato das Empresas de Transportes Coletivos de Passageiros de Caruaru (AETCP) e do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Caruaru e da Região do Agreste de Pernambuco (ATTRCRAPE).


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro