13 de junho de 2013 às 05h55min - Por Mário Flávio

20130613-013146.jpg

A deputada estadual Raquel Lyra (PSB) foi à tribuna da Assembleia Legislativa de Pernambuco, na tarde desta quarta-feira (12), para ressaltar a importância do combate ao trabalho infantil, em especial no estado de Pernambuco. Segundo a parlamentar, crianças e adolescentes são obrigados a trabalhar por várias razões, sendo a pobreza a principal delas. Vindas de famílias onde a vida é uma luta diária pela sobrevivência, essas crianças são forçadas a assumir responsabilidades para ganhar dinheiro e complementar à renda familiar.

Ela ressaltou que situação de vulnerabilidade leva esse público para práticas de exploração sexual comercial, tráfico de drogas, trabalho infantil doméstico, trabalho na agricultura familiar e economia informal urbana. Raquel também frisou que o grande desafio é convencer os diversos setores da sociedade do fato de que não é o trabalho precoce, mas sim a educação, que pode garantir um futuro melhor.

“É tarefa nossa afastar essas crianças e adolescentes do trabalho infantil, dando a elas um presente e um futuro dignos: hoje, devem ter uma infância saudável e segura, com tempo para brincar e aprender em escolas de qualidade, com aprendizagem efetiva. Só assim terão um futuro sem risco de cair na improdutividade ou na criminalidade por não terem tido oportunidade de aprender na época adequada”, falou.

Por fim, a deputada citou o programa do Governo do Estado “Atenção Redobrada”, que alerta a sociedade civil contra o trabalho infantil, exploração sexual e venda de bebidas alcoólicas aos menores de 18 anos. O programa, criado pela Secretaria da Criança e da Juventude em sua gestão, foi selecionado como uma das 10 melhores práticas de combate ao Trabalho Infantil pela Rede Latino-americana Contra o Trabalho Infantil. Das 16 inscrições brasileiras, a campanha foi a única boa prática selecionada para representar o Brasil.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro