9 de agosto de 2012 às 11h31min - Por Mário Flávio

Outro governista que chutou o balde foi o vereador Ranilson Enfermeiro (PTB). Ele fez um alerta sobre o possível uso da máquina por um secretário municipal. O petebista não citou nomes e disse que por ser um alerta, nesse primeiro momento não iria apontar o possível comprador de votos.

“Temos um certo secretário que usa a máquina do governo para destruir os vereadores. São pessoas frustradas e revoltadas, que nunca conseguiram votos. São pessoas que tentam comprar os nossos cabos eleitorais. É um incompetente. Ele deveria assumir que tinha a intenção de ser vereador e não ser secretário”, disparou.

Para Ranilson Enfermeiro, o secretário serve de fiscal para ver quais os veículos que estão com os adesivos da candidatura. “Essa mesma pessoa veio questionar a ausência da foto do prefeito no meu carro. Só não coloquei o adesivo porque não recebi nada da majoritária. Tenho lado e não fico em cima do muro. Esta pessoa trabalha contra o governo do prefeito Zé Queiroz”, pontuou.

O vice-presidente da Câmara, Diogo Cantarelli (PSDB), pediu um aparte e disse que é uma questão de crime eleitoral e precisa ser averiguada pela justiça eleitoral.

20120809-113043.jpg


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro