9 de agosto de 2012 às 11h08min - Por Mário Flávio

A montagem do chapão ou grupo da morte ainda é motivo de muita reclamação na base do governo em Caruaru, principalmente por parte de Lícius Cavalcanti (PCdoB), que abandonou o palanque de Zé Queiroz. ”O canibalismo que está acontecendo com os vereadores e vai fazer com que a Câmara perca representatividade. Há uma grande provocação e vocês foram colocados num confronto individual. Não entrarei nessa de canibalismo forçado”, disparou o comunista.

O comunista ainda citou o vice-governador e disparou contra as três candidaturas a prefeito de Caruaru. “João Lyra teve a postura correta ao divulgar aquela carta. Esses três projetos são equivocados para Caruaru. Do lado de lá tem até gente falsificando documento para sair candidato”, disse.

A Vila Kennedy foi o alvo das reclamações de Lícius, que assim como Rogério, sempre reclamou bastante da participação do Executivo no bairro.

20120809-113708.jpg


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro