5 de janeiro de 2012 às 16h15min - Por Mário Flávio

Em publicação do Diário Oficial desta quinta-feira (05), o governo do estado divulgou que amanhã (06) deve ser assinado o contrato para início de obras em comunidades remanescentes de quilombos em Pernambuco. O projeto estabelecerá ações de saneamento, com a construção de banheiros e sistemas de abastecimento de água, com um orçamento de R$ 4,4 milhões. Desse orçamento, R$ 1,1 milhão será destinado a comunidades do agreste meridional.

Esse serviço compreende uma parceria entre Programa de Desenvolvimento Rural Sustentável de Pernambuco – ProRural como Programa de Aceleraçãodo Crescimento – PAC/Funasa. Essas ações de melhorias sanitárias serão implantadas em 28 comunidades de Pernambuco, sendo 11 comunidades no agreste meridional, nas quais devem ser atendidas 287 famílias. Essas comunidades estão localizadas nos municípios de Águas Belas, Capoeiras, Garanhuns e São Bento do Una.

De acordo com o secretário Executivo de Tecnologia Rural e Programas Especiais, José Patriota, o projeto está em sintonia com as diretrizes do Governo do Estado para fomentar o desenvolvimento de áreas rurais, por meio da universalização do acesso à água. “”Nosso compromisso é com o desenvolvimento, estamos trabalhando para os que mais precisam. Estas obras proporcionarão grandes mudanças no dia a dia destas famílias””, declarou.

Em todo o estado, 1197 famílias remanescentes de quilombos serão atendidas pelo projeto, nas áreas da Região Metropolitana de Recife, Mata Sul, Agreste Central, Agreste Meridional e Sertão Central.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro