11 de julho de 2017 às 18h36min - Por Mário Flávio


Do GE Caruaru 

Sete equipes da primeira divisão do Campeonato Pernambucano se reuniram em Caruaru nesta terça-feira para discutir um novo regulamento para o Estadual em 2018. De acordo com a proposta sugerida pelos clubes, o Pernambucano começaria no dia 28 de janeiro e seria dividido em quatro grupos com três times em cada. O modelo, porém, ainda não foi apresentado à Federação Pernambucana de Futebol (FPF).
América-PE, Salgueiro, Central, Vitória-PE, Afogados da Ingazeira, Belo Jardim e Flamengo de Arcoverde foram os clubes que participaram da reunião. O GloboEsporte.com teve acesso ao formato discutido no encontro. Confira abaixo a proposta para a competição:

Datas da competição
– 1ª Fase 1: Treze datas
– 2ª Fase: Duas datas

Primeira fase:
– 4 quatro grupos com 3 equipes por chave. Todos os times jogariam entre si no sistema único de ida. Desta forma, com a presença e apresentação de Santa Cruz, Náutico e Sport. Com os times grandes jogando no interior e só os clássicos no Recife. 

– As equipes da Chave 1 jogariam sempre nos estádios dos adversários, que fazem parte das outras chaves. Os times de cada grupo fariam jogos de volta dentro da sua própria chave.

– Preliminar em todos os jogos com o Campeonato Pernambucano Sub-20.

Proposta das chaves
– Chave 1: Náutico, Santa Cruz e Sport

– Chave 2: Salgueiro, Flamengo e Vitória-PE

– Chave 3: Belo Jardim, Afogados e o campeão da Série A2

– Chave 4: Central, América-PE e o vice-campeão da A2

Decisão do título
– As duas equipes melhores colocadas por pontos conquistados na primeira fase decidiriam o título em partidas de ida e volta.

O documento da reunião ainda afirma que os clubes vão se comprometer a recuperar os gramados dos estádios do interior e as instalações físicas.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro