27 de novembro de 2012 às 09h59min - Por Mário Flávio

20121127-100108.jpg

Um projeto polêmico será lido na reunião de hoje da Câmara Municipal. De autoria da Mesa Diretora, a redação do projeto propõe um reajuste no salário do prefeito, vice e secretários do município. De acordo com o Projeto, o salário do prefeito reeleito Zé Queiroz (PDT) subirá de 16 mil para cerca de 20 mil reais. O vice-prefeito Jorge Gomes (PSB) terá um reajuste de dois mil reais, o que representaria valores de dez mil reais. O salário dos secretários terá um acréscimo também e subirá de nove para pouco mais de 11 mil reais. O subsídio dos vereadores também terá uma recomposição das perdas inflacionárias e subirá para mais de 11 mil reais.

A proposta será levada ao plenário na sessão ordinária de hoje a noite e de acordo com a presidência da Casa, vai ser levado para discussão no momento adequado. “Estudamos bastante e chegamos a um consenso sobre esses valores. Estamos cumprindo o que diz a Lei, já que os vereadores da próxima Legislatura não podem promover esse reajuste. Estamos fazendo o possível para deixar uma Casa em ordem, mesmo não sendo reeleito, estamos com essa preocupação”, disse o presidente Lícius Cavalcanti (PCdoB).


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro