4 de março de 2013 às 07h55min - Por Mário Flávio

20130301-174959.jpg

Após avançar nas negociações na primeira reunião da Mesa de Negociação sobre a atualização do PCC, o dia hoje deve ser mais complicado para fechar a pauta. A questão é que a lei foi discutida até o nono parágrafo e ainda não entrou a parte que diz respeito ao dinheiro, mas especificamente as promoções e gratificações.

Segundo o professor Fabiano Andrade, um dos membros da Atec, ele acredita que as discussões serão mais polêmicas. “Na primeira reunião caminhamos bem, os pontos colocados foram menos polêmicos, alguns até segundo a própria prefeitura, questão de ajustes na redação e eles se prontificaram em modificar, nesta segunda teremos mais questões polêmicas, as negociações estão caminhando, não sei se terminam nesta segunda”, disse o docente.

O presidente do Sismuc, Eduardo Mendonça, acredita que o entendimento está próximo. “Foi um projeto tocado muito rápido e votado pelos vereadores sem o tempo hábil para uma leitura dinâmica, mas foi bom que a gente percebeu aqui nessa reunião que os representantes da preefitura, bem como o líder do governo e os vereadores, perceberam que a nossa angústia tem sentido, afinal carecia de um entendimento e em alguns casos, eles concordaram com a maioria das nossas reivindicações”, disse.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro