30 de julho de 2012 às 13h46min - Por Mário Flávio

Reportagem de Ricardo Perrier, Jornal Extra de Pernambuco

Está aberta a temporada de debates e entrevistas com os candidatos a prefeito e a vice nas eleições municipais 2012, em Caruaru. O 1º deles, reunindo os três prefeituráveis que disputam as eleições majoritárias no município – Fábio José (coligação ‘Caruaru pode mais por um socialismo de verdade’), José Queiroz (coligação ‘Caruaru avança com a força do Brasil’) e Miriam Lacerda (coligação ‘Caruaru em boas mãos’) – acontece já na próxima sexta-feira, 03, a partir das 10h, no Lind’s Buffet, com transmissão ao vivo pela Rádio Cultura do Nordeste e Caruaru FM, numa parceria com o Jornal Extra de Pernambuco.

O debate, que terá como mediadores o jornalista Hélio Junior (Rádio Cultura do Nordeste) e o radialista Fúlvio Wágner (Caruaru FM), será dividido em quatro blocos, com previsão de duração de duas horas, até mesmo para adaptar-se ao horário do guia eleitoral, que começa a ser veiculado no próximo dia 21 de agosto. Logo no início do programa haverá o sorteio da sequencia dos candidatos, que será obedecida em todos os blocos do programa, com as definições de quem serão os candidatos ‘A’, ‘B’ e ‘C’. No primeiro bloco será apresentado um perfil de cada um dos candidatos, com temo máximo de dois minutos. O material será gravado por um locutor padrão, em comum acordo com as duas emissoras, devendo o texto ser enviado pelas assessorias dos respectivos candidatos até as 10h do dia 1º de agosto.

Dando prosseguimento ao programa, ainda no primeiro bloco, os candidatos responderão a uma pergunta do mediador, que deverá ser feita em até 30 segundos, com cada candidato tendo um minuto para a resposta. Em seguida, será a vez dos candidatos responderem às perguntas gravadas feitas pelos ouvintes. As respostas serão dadas através de sorteios realizados após cada pergunta, tendo o candidato escolhido dois minutos para a resposta, com direito a um minuto de réplica por parte de outro candidato e a respectiva tréplica, também com um minuto. Cada candidato deverá responder a uma pergunta feita pelos ouvintes, de forma a abordar temas diferenciados.

No segundo bloco será a vez dos candidatos responderem a perguntas feitas pelos jornalistas convidados, representantes dos veículos de comunicação envolvidos com a coordenação do programa. Serão três perguntas para cada candidato pela ordem do sorteio. Cada pergunta, que abordará temas gerais, será feita em 30 segundos, tendo o candidato um minuto para a resposta, com 30 segundo para a réplica por parte do jornalista convidado e mais 30 segundos para a tréplica por parte do candidato que estiver respondendo. O formato desse bloco servirá para os três candidatos, não podendo o jornalista convidado indagar ao mesmo candidato já interpelado por ele na rodada anterior.

Os candidatos terão a oportunidade de responderem às perguntas feitas entre si a partir do terceiro bloco, abordando um dos temas propostos pela coordenação do programa – saúde, educação, meio-ambiente, segurança, infraestrutura, cultura, turismo, políticas sociais e desenvolvimento econômico – em comum acordo com a assessoria de cada coligação. Os temas serão sorteados pelo mediador, começando pelo candidato ‘A’, que terá um minuto para perguntar ao candidato ‘B’. Este terá dois minutos para a resposta, ficando um minuto para a réplica do candidato ‘A’ e um minuto para a tréplica do candidato ‘B’. Na sequencia, será a vez do candidato ‘B’ perguntar ao candidato ‘C’, e por fim, o candidato ‘C’ perguntará ao candidato ‘A’, dentro do mesmo critério inicialmente exposto, obedecendo ao sorteio dos temas.

No quarto e último bloco, novamente os candidatos farão perguntas entre si. A diferença é que dessa vez, os temas serão livres. O critério será o mesmo do bloco anterior, com cada candidato tendo o direito de um minuto para a pergunta, com o candidato sorteado tendo dois minutos para a resposta, e na sequencia, um minuto para a réplica e mais um minuto para a tréplica. O bloco será encerrado com a consideração final de cada candidato, que será feita no tempo máximo de um minuto, obedecendo a sequencia invertida do sorteio, ou seja, começando pelo candidato ‘C’, seguindo pelo candidato ‘B’ e finalizando com o candidato ‘A’.

Durante todo o debate, uma banca formada por representantes da OAB, que não poderão ter qualquer vínculo partidário e com a Administração Pública, bem como familiar com algum dos candidatos, estará a postos para julgar os direitos de respostas encaminhados por cada uma das coligações, caso seja necessário, ao longo do programa.

Os detalhes do debate foram aprovados pelas assessorias das três coligações. Uma nova reunião está agendada para a tarde da próxima terça-feira, 31, a partir das 15h, quando serão discutidas as regras para a realização das entrevistas individuais com os candidatos a prefeito e vice, nas eleições do próximo dia 07 de outubro.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro