4 de janeiro de 2012 às 09h43min - Por Mário Flávio

Na manhã da terça-feira (03), foi realizada uma reunião entre o prefeito e seu secretariado municipal. Além da discussão política, que girou em torno dos cuidados que os secretários deverão ter com a legislação eleitoral, também foi debatida a convocação para as reuniões temáticas do programa Caruaru 2030. A ideia é convocá-las até o final desta primeira semana de janeiro, para que sejam iniciadas a partir da semana que vem.

O coordenador do programa, vice-prefeito Jorge Gomes (PSB), explica ser necessário pensar junto com a população para alcançar estratégias eficazes. “A importância desse projeto está em fazer a população participar de fato das perspectivas das estratégias de desenvolvimento de Caruaru, através de vários segmentos do município e para isso já estamos planejando essas primeiras reuniões para o início de janeiro”, explica. O vice-prefeito adiantou que até março várias reuniões plenárias do Caruaru 2030 devem ser realizadas para dar início aos trabalhos do programa.

No entanto, críticos de grupos da oposição à base governista, como o deputado estadual Tony Gel (DEM) e o vereador Diogo Cantarelli (PSDB), citam que esse projeto coloca-se como um planejamento distante da realidade atual do município e que deveria ter sido implantado primeiramente, de fato, o Orçamento Participativo, planejado pela prefeitura no início do atual mandato do prefeito José Queiroz.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro