18 de novembro de 2013 às 17h09min - Por Mário Flávio

NOTA – A Prefeitura de Caruaru entende que não há qualquer fato novo que justifique uma paralisação de dois dias dos professores da rede municipal de ensino cujo único resultado será o prejuízo para a aprendizagem dos alunos.

Por isso, o Governo Municipal apela para o bom senso dos professores e solicita que compareçam às escolas para promover a educação de mais de 35.000 crianças caruaruenses que deles tanto dependem.

De acordo com decisão do juiz da 1ª Vara da Fazenda, José Fernando, mantida pelo desembargador Francisco Bandeira de Mello, do Tribunal de Justiça de Pernambuco, as paralisações são ilegais.

Por último, a Prefeitura informa à população que fará tudo ao seu alcance para que as aulas sejam restabelecidas e para cumprir as determinações da Justiça em defesa dos legítimos direitos dos alunos da rede municipal.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro