3 de fevereiro de 2012 às 13h00min - Por Mário Flávio

Com informações do MPPE

A gestão municipal de Lajedo (Agreste) terá 30 dias para mudar as cores utilizadas em prédios e veículos públicos e no fardamento escolar. Em vez da combinação azul e vermelho, cores neutras. É o que prescreve a recomendação da promotora de Justiça do município, Danielly da Silva Lopes, publicada na edição do Diário Oficial de ontem (03/02). A representante do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) busca, com a medida, evitar a promoção pessoal do prefeito, Antônio João Dourado, ou do seu partido político, já que as cores azul e vermelho foram a marca do gestor na campanha eleitoral de 2008, quando foi eleito pelo PDT.

“A situação é mais séria nos ônibus da prefeitura e no slogan oficial da gestão”, afirmou Danielly Lopes. A promotora fixou prazo de 30 dias para a mudança. “Passado o prazo, vou notificá-lo para que ele informe as medidas adotadas”, informou. Ela advertiu que a gestão também deve abster-se da combinação azul e vermelho na publicidade de obras e atos, campanhas institucionais, programas e serviços municipais. Caso não seja cumprida a recomendação, Antônio João Dourado pode responder a uma ação civil pública por improbidade administrativa.

Antônio João Dourado deve promover as mudanças


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro