13 de dezembro de 2020 às 10h00min - Por Mário Flávio

O prazo para as empresas e empregadores, inclusive os empregadores domésticos, efetuarem o pagamento da segunda parcela do 13º salário teemiba no dia 20 de dezembro.

De acordo com o auditor do Ministério do Trabalho em Caruaru, Francisco Reginaldo, por ocasião do pagamento desta parcela, serão efetuados os descontos legais, como INSS e Imposto de Renda, bem como o adiantamento da primeira parcela.

“Em Caruaru, ano passado, com o pagamento do abono, somente com relação ao mercado formal de trabalho, foram injetados aproximadamente R$ 144 milhões, beneficiando 76 mil trabalhadores”, disse.

Ainda segundo ele, em 2020, em razão da pandemia esses números devem ser reduzidos, não só em relação aos valores, por conta dos Acordos de Suspensão dos Contratos de Trabalho, como também será reduzido o número de trabalhadores beneficiados, em razão do desemprego, ocasionando também pela pandemia.

“Importante destacar que os trabalhadores que firmaram Acordos de Redução de Jornada com redução de salários, o 13º salário não será afetado, devendo ser pago integralmente. A empresa ou empreagodor que não efetuar o pagamento da segunda parcela até o dia 20, estará sujeito à uma multa no valor de aproximadamente R$ 171, por cada empregado prejudicado”, orienta.

Até o momento, a Gerência do Trabalho de Caruaru, recebeu 30 denúncias contra empresas que não efetuaram o pagamento da primeira parcela.

“Estas empresas estão sendo notificadas para fins de comprovação das denúncias. As denúncias da falta de pagamento do abono devem ser feitas pelo telefone 3722-2900 ou no email [email protected] e o sigilo será preservado”, garante.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro