15 de maio de 2015 às 09h12min - Por Mário Flávio

DIVULGAÇÃO

A mobilização dos policiais civis do Estado, que defendem a valorização da carreira e melhorias nas condições de trabalho, foi apoiada pelos deputados Edilson Silva (PSOL) e Joel da Harpa (PROS), na Reunião Plenária desta quinta (14). De acordo com os parlamentares, uma comissão do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol) se reuniu com representantes do Poder Executivo, ontem, momento em que apresentaram suas reivindicações e anunciaram uma paralisação de 24 horas para a próxima semana.

“Os servidores da Polícia Civil estão se manifestando já há algum tempo, denunciando as más condições de trabalho que eles enfrentam”, comentou Silva. “É importante que o Poder Executivo chame todas as associações que atuam com segurança pública no Estado para uma mesa permanente de negociações”, completou Joel da Harpa, que é coordenador da Frente Parlamentar em Defesa da Segurança Pública da Assembleia Legislativa.

Manifestações – Durante o seu discurso, o deputado Edilson Silva também falou sobre o Projeto de Lei n° 191/2015, apresentado nesta semana pelo deputado Antônio Moraes (PSDB). A matéria, que ainda tramitará pelas comissões da Casa, propõe que as manifestações populares, que ocorrerem em vias públicas, sejam avisadas, com três dias de antecedência, à Secretaria de Defesa Social do Estado e ao órgão de trânsito do município a ser afetado. “Não se regulamenta os procedimentos políticos dos cidadãos com um papel, mas com o exemplo dos próprios governantes. As pessoas têm o direito de protestar”, criticou.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro