29 de dezembro de 2020 às 09h30min - Por Mário Flávio
Cerimonia de posse do presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Gustavo Montezano. Montezano defendeu o alinhamento “total” da nova direção do banco com o governo federal, afirmou que a instituição buscará ajudar nos processos de desestatização, abrirá sua “caixa-preta” (promessa de campanha do presidente) e devolverá recursos ao Tesouro Nacional. Brasilia, 16-07-2019. Foto: Sérgio Lima/PODER 360

Nesta terça-feira (29), a Caixa Econômica Federal realiza o pagamento da última parcela do auxílio emergencial. Com isso, o benefício chegará ao fim, em meio à alta de casos da covid-19 no país.

Cerca de 3,2 milhões de beneficiários do Ciclo 6 nascidos em dezembro recebem hoje a última parcela em suas contas Poupança Social Digital. Desse total, 50,3 mil receberão referentes às parcelas do Auxílio Emergencial. Os demais, 3,2 milhões, receberão as parcelas da extensão do Auxílio Emergencial.

A partir desta data, os valores já podem ser movimentados pelo “CAIXA Tem” para pagamento de boletos pelo próprio aplicativo ou nas casas lotéricas, compras na internet e pelas maquininhas em estabelecimentos comerciais.

O ciclo de pagamentos chega ao fim e até o momento não há nenhuma indicação de que haverá um novo auxílio em 2021 ou lançamento de um novo programa social ou substituto do Bolsa Família.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro