18 de abril de 2013 às 05h55min - Por Mário Flávio

O Sindicato dos Policiais Federais em Pernambuco, na alternância de suas eleições, ora em ano par e ora em ano ímpar, tendo em vista que o mandato diretoriano é trienal, fez publicar o Edital de Convocação de Eleição para o triênio 2013-2016.

Diz o texto, assinado pelo atual presidente do SINPEF/PE e registrado no Segundo Cartório de Registro de Títulos e Documentos do Recife, em 21/03/2013 sob o número 00372988, microfilmado e digitalizado.

“Eleições Sindicais – Edital de Convocação – Pelo presente Edital, faço saber que no dia 21 (vinte e um) de maio de 2013 (dois mil e treze) no período das 09 às 17:30, na Sala de Lazer do SINPEF/PE (dependências da SR/DPF/PE) e nas sedes das Delegacias da Polícia Federal nas cidades de Salgueiro e Caruaru, neste Estado, serão realizadas eleições para composição de Diretoria, Conselho Fiscal e Suplentes, ficando aberto o prazo de 30 (trinta) dias para o registro das chapas, que concorrerão, a partir da data deste Edital… De conformidade com o que prescreve a alínea “b” do inciso II do Artigo 9 (nono) do Estatuto do Sindicato será aplicada a penalidade de advertência aos sindicalizados que não votarem nas eleições… A posse da Diretoria eleita ocorrerá no dia 21 (vinte e um) de junho de 2013 (dois mil e treze). Recife, 21 de março de 2013. Assinado, Presidente do Sinpef/PE”.

Vamos aguardar a composição das chapas registradas e publicá-las oportunamente.

Uma equipe de sindicalizados, lotados em Caruaru, está em franca movimentação, entre os colegas em todo Estado, para preencher os 20 (vinte) cargos em disputa, ou seja, sete diretores: Presidente, Vice-Presidente, Secretário-Geral, Tesoureiro, Diretor de Assistência e Patrimônio, Diretor de Assuntos Jurídicos e Diretor de Relações e Comunicações, com igual número de suplentes; Mais o Conselho Fiscal com três membros e igual número de suplentes. Num total de 20 participantes.

Até agora não se deu notícia de nenhum pedido de registro de chapa, pois normalmente, como praxe de todo bom brasileiro, tais petições ficam para última hora, como sói acontecer com as convenções partidárias e registros de candidaturas, na nossa malfadada política partidária de cada dia.

Seja como for, é bom que haja inscrição de diversas chapas, pois isto tiraria a hegemonia daqueles que tentam se perpetuar no poder, olvidando que “o poder só é bom quando passa de mão em mão”. E este mau exemplo, de mandatos consecutivos, por duas, três e até mesmo quatro gestões seguidas, tornou-se moda em voga, até mesmo na Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco (casa das leis estaduais), sob a aprovação e apoio do Governo do Estado (interessado direto).

Como afirma o documento exarado com timbre sindical, do Sindicato dos Policiais Federais no Estado de Pernambuco – “Polícia Federal, Guardiã da Cidadania” – Cidadania esta que, só se afirmará com a alternância do poder.
Enfim, “o tempo é o senhor da razão” e, por mais que personagens se detenham nos cargos, as diretorias passam e a instituição sindical há de permanecer – sine die – para todos os seus eleitores, sejam eles progressistas ou retrógrados.

Severino Melo – Escritor / Advogado – com honra e denodo Agente de Polícia Federal aposentado, pioneiro na Delegacia de Polícia Federal em Caruaru, esta inaugurada em 06 de janeiro de 2004. e-mail: [email protected]


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro