12 de dezembro de 2012 às 15h25min - Por Mário Flávio

20121212-155530.jpg

Relator setorial de Justiça e Defesa no Congresso, o deputado Augusto Coutinho (DEM) criticou a redução de 3% para a segurança pública no Brasil. Nesta quarta-feira (12) foi aprovada uma dotação de R$ 77,1 bilhões, após o democrata pernambucano ler um relatório criticando a queda, em termos reais, em relação às cifras presentes na proposta de 2012.

Augusto Coutinho disse que, “não é de surpreender que os índices de violência estejam crescendo no País” com essa negligência governamental em relação à dotação de mais recursos para segurança pública”. O parlamentar lembra que em 2012, de um total de R$ 2,2 bilhões para investimentos, O Ministério da Justiça empenhou apenas R$ 490 milhões, até 20 de novembro. “Diante dos desafios que se apresentam na área de segurança, as restrições orçamentárias, especialmente o contingeciamento de dotações já aprovadas, impostas ao setor são de difícil justificativa, diz Coutinho.

Ainda no relatório, o deputado afirma que não pretende criticar alocações, “por vezes generosas”, para outros setores, mas vê que em um momento onde cidadãos são atingidos pela violência, não tem como deixar de demandar prioridade para a área de Segurança Pública e Defesa.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro