4 de janeiro de 2013 às 08h55min - Por Mário Flávio

A reunião que estava marcada para ser realizada a partir de 7h30 com a construtora Matias Silva e os vereadores de Caruaru não aconteceu. O responsável pela empreiteira, que não entregou a obra na Câmara de Caruaru até o dia 31 de dezembro, não deu as caras na Casa e deixou a todos a ver navios. O servidor Vicente Sabino, indicado pelo ex-presidente Lícius Cavalcanti (PCdoB) para integrar a equipe de transição da obra, conversou com a repórter Ana Rebeca Passos e ele explicou a situação. “Marcamos com a empresa as sete horas, mas ninguém veio. De todo jeito, na próxima segunda eles precisam vir terminar a obra e receber o resto do pagamento, que está na casa”, disse Vicente.

Ainda de acordo com informações repassadas a repórter, o maior problema está no acumulo de funções de um dos sócios da construtora, conhecido por Edvilson. Ele não teria ido a Câmara porque assumiu a secretaria de obras de uma cidade.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro