5 de junho de 2013 às 07h55min - Por Mário Flávio
Neto voltou a encher a bola do prefeito Zé Queiroz. A foto é de Antônio Valdevino

Neto voltou a encher a bola do prefeito Zé Queiroz. A foto é de Antônio Valdevino

O vereador Neto (MD) usou a Tribuna da Casa Jornalista José Carlos Florêncio para soltar o verbo com os colegas de bancada de oposição. Segundo o edil, ele segue firme na bancada de minoria e explicou os motivos de ter votado contra a audiência para debater a questão do PCCDR da educação. “Não há oposição sem lado, mas não tomo partido apenas daqueles que votaram em mim, nem em pessoas e em métodos. Não votei pela Audiência por temer problemas, mas tenho respeito pela classe. Estive reunido com o prefeito Zé Queiroz, com os secretários Marco Casé e Welson Costa e soube que as negociações iriam ser reiniciadas. Hoje estou um pouco cansado, já que participei da reunião com os professores durante toda a tarde”, disse.

O edil garantiu que entende a posição do prefeito em relação a questão dos professores. “O prefeito não pode ultrapassar os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal e fico muito feliz em a situação está quase resolvida e percebo que o governo reconhece um erro que foi cometido ao enviar o PCC para esta Casa. Deixo claro hoje que farei oposição sem medo e vou defender aos interesses da população em geral”, pontuou.

O edil voltou a explicar a boa relação que tem com o Executivo. “Criei o projeto para termos o Festival de Inverno do Alto do Moura e recebi total apoio do prefeito Zé Queiroz, do secretário André Alexei e de Marco Casé e iria negar isso? Fui ao camarote da Câmara e também ao do prefeito. Sou vereador e participei do camarote do prefeito, mas participo da festa do São João de Caruaru e não de Zé Queiroz, Tony Gel ou João Lyra”, disse.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro