2 de janeiro de 2013 às 00h34min - Por Mário Flávio

20130102-003440.jpg

Geraldo Julio (PSB) e Luciano Siqueira (PCdoB) tomaram posse nesta terça (1º) como prefeito e vice-prefeito do Recife, em uma cerimônia marcada pela emoção. O ato foi realizado na Câmara dos Vereadores e foi conduzida pelo novo presidente do Legislativo Municipal, Vicente André Gomes (PSB). Depois de discursar pela primeira vez como mandatário da cidade, Geraldo seguiu para a sede da Prefeitura, no Cais do Apolo, onde recebeu o cargo do agora ex-prefeito João da Costa (PT).

A recepção a Geraldo na PCR foi muito calorosa. O socialista era esperado por uma multidão que queria saudá-lo e desejar sorte no mandato. Cerca de 1.300 pessoas prestigiaram o ato. O governador Eduardo Campos (PSB) participou das duas cerimônias. Também estiveram presentes as principais autoridades do Estado, a exemplo do presidente do Tribunal de Justiça, Jovaldo Nunes, e do procurador-geral de Justiça, Aguinaldo Fenelon; além de autoridades do País, como o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho (PSB), e a ministra do TCU, Ana Arraes.

Bastante emocionado em sua fala na Câmara, Geraldo não pôde deixar de agradecer a todo apoio recebido do povo do Recife, que o elegeu com 453.380 votos em outubro passado, e de sua família. Geraldo disse estar muito feliz e que tem a exata noção do grande desafio que vai enfrentar. ”Sem dúvida, o maior desafio da minha vida. Sei que não será fácil. Vamos vencer todo dia a cada dia. Momentos difíceis serão parte da rotina, mas estou disposto a trabalhar duro, a mobilizar pessoas, motivar a equipe e animar nosso povo a participar ativamente deste grande processo de reinvenção do Recife”, destacou Geraldo Julio.

O novo prefeito afirmou que a cidade vai mudar porque o povo quer que isso aconteça. “O novo Recife é a vontade de levar a nossa terra de volta para o lugar que ela merece: uma cidade reconhecida, respeitada, valorizada; uma referência no Brasil e no mundo. É isso que queremos e vamos ser”, ressaltou Geraldo, lembrando que Pernambuco já provou que isso é possível. “Nosso combustível é a confiança da população. O estímulo renova a energia. A esperança anima. E a cobrança mobiliza”, argumentou.

Citando o ex-governador Miguel Arraes e o governador Eduardo Campos, Geraldo disse que, com eles, aprendeu a transformar “o complexo em simples, o impossível em possível”. Sempre com a “força do povo”. O novo prefeito também destacou a relação de respeito que pretende manter com a Câmara. Geraldo ainda conclamou um esforço coletivo para cuidar da cidade, com um grande mutirão de limpeza urbana a ser iniciado ainda este mês. “Vamos resgatar o nosso tão valioso orgulho de ser recifense. Pode ter certeza: a vida no Recife vai melhorar”, cravou Geraldo, encerrando o discurso.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro