23 de maio de 2012 às 22h35min - Por Mário Flávio

Faleceu no início da noite desta quarta-feira o delegado Artur Tito Mendes, de 47 anos. O policial morreu devido a complicações pós-cirúrgicas, num hospital particular, na região central do Recife. No último final de semana, ele havia passado por uma operação para retirada de um nódulo na garganta.

Artur Tito ingressou na Polícia Civil no ano de 1998. Sua primeira lotação foi na Unidade Policial do Cordeiro, região oeste do Recife. Ele também passou pelas delegacias circunscricionais de Vitória de Santo Antão, Goiana e Carpina, na Zona da Mata do estado.  O delegado trabalhou ainda nas unidades especializadas de Roubo de Cargas e Homicídios, bem como na Delegacia de Itapissuma e na Unidade Seccional de Serra Talhada, no interior do estado.

A sua última lotação foi à frente da Delegacia do Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana. Há pouco mais de um mês estava afastado das atividades por licença-médica. O velório vai acontecer durante toda a noite na sede da Chefia de Polícia Civil, na Rua da Aurora. O enterro está marcado para esta quinta-feira (24), no Cemitério Parque das Flores, no bairro do Sancho, no Recife.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro