26 de julho de 2012 às 21h48min - Por Mário Flávio

Concentração de público no Pátio de Eventos foi reforçada por aumento geral no número de turistas

O levantamento dos dados do São João de Caruaru 2012 foi divulgado de forma positiva pela prefeitura municipal, embora alguns dados relacionados ao fluxo de turistas e ao impacto no comércio tenham apresentado uma ínfima queda em relação a 2011, que foram em geral considerados como empate técnico. Na conjuntura total, entretanto, houve um aumento significativo no número de turistas vindos de fora, principalmente no número visitantes do Sul e Sudeste.

Segundo os dados, o percentual de turistas vindos de outras cidades da região Nordeste aumentou cinco pontos percentuais, pulando de 18% para 23%. O número mais significativo foi o de visitantes do Sul e Sudeste, que subiu de 6% para 19%. Só os números de visitantes de cidades de Pernambuco é que apresentou uma pequena queda: de 60% para 55,2%.

Houve também uma diferença em relação ao tempo de permanência de turistas. Enquanto foi registrado um aumento de 34,5% para 56,9% de turistas que ficaram até 3 dias em Caruaru no período junino, houve uma ligeira redução no número de visitantes de 3 a 7 dias, que caiu de 34,5 % para 24,7 %; de turistas de 7 a 14 dias, com queda de 12,8% para 5,1%; e de turistas que estiveram na cidade por mais de 14 dias, com redução de 10,3% para 4,4%. Mas, de acordo com a margem de erro da pesquisa, de 3,9 pontos percentuais para mais ou para menos, apenas o período de 3 a 7 dias representa realmente uma redução, já os outros comparativos ficam só no empate técnico.

No contexto

São João de Caruaru no centenário de Luiz Gonzaga movimenta R$ 204 milhões

Outra redução foi relacionada à movimentação financeira do Circuito do Forró, que este ano alcançou mais de R$ 4,5 milhões, 11,4% a menos que em 2011. De outra forma, o impacto indireto gerado pela população local atingiu R$ 82,4 milhões, R$ 3,6 milhões a menos que em 2011. Essa pequena diferença, entretanto, foi compensada pelos impactos econômicos diretos dos turistas – com aumento de R$ 56 milhões para R$ 64 milhões – e da população da cidade – com aumento de R$ 39 milhões para R$ 57,6 milhões.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico, Franco Vasconcelos, a avaliação desses dados é importante para manter um ritmo de crescimento em edições futuras do São João. “Ainda há necessidade de melhorias na infraestrutura do São João, como a necessidade de uma parceria maior entre os empresários e a prefeitura para fomentar o comércio no São João. Por exemplo, é preciso chegar a um consenso junto ao setor privado para não estimular o aumento de preços de produtos durante o período, para que o turista se sinta mais atraído a fazer compras na cidade”, explicou.

Ao final da pesquisa, os números somados ultrapassam a movimentação financeira de 2011 em 12,7%, alcançando R$ 204 milhões. Também de acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, as ligeiras reduções em alguns dados se deram porque este ano o feriado de São João, dia 24 de junho, caiu em um domingo, o que pode não ter permitido que turistas se programassem para passar mais na cidade. Em 2011, a data festiva caiu em uma sexta, o que facilitou programar uma viagem mais longa devido ao feriado emendado.

Abaixo, você confere na íntegra a apresentação com a Pesquisa do São João 2012


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro