25 de março de 2018 às 21h57min - Por Mário Flávio

O MDB nacional, presidido pelo senador Romero Jucá, divulgou uma nota de apenas cinco linhas sobre a liminar expedida pelo ministro Ricardo Lewandowski na última sexta-feira (23), tornando sem efeito a dissolução do MDB pernambucano decretada na última terça-feira pela executiva nacional.

Com isso, o partido, que havia sido entregue ao senador Fernando Bezerra Coelho, voltou para as mãos do vice-governador Raul Henry.

Veja a íntegra da nota:

Frente à liminar do ministro Ricardo Lewandowski, a direção nacional do partido informa que, embora respeite a decisão monocrática, irá recorrer para que o colegiado do STF reconheça a natureza interna desse processo e a validade das decisões democráticas tomadas pela Executiva do MDB para dissolver o diretório regional de Pernambuco.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro