19 de junho de 2018 às 07h20min - Por Mário Flávio

A Associação dos Criadores, Machantes e Fornecedores de Carnes de Pernambuco (ASCMAFAC), realizou reunião, nesta segunda-feira 18, para repasse de informações e esclarecimento de dúvidas, sobre a atuação da parceria público privada (PPP), que irá funcionar a partir de primeiro de julho de 2018, sob a fiscalização da Prefeitura de Caruaru, através das secretarias de feiras e mercados, finanças e Urb.

A PPP se estenderá por dois anos – prazo estipulado para a construção do novo matadouro – que será transformado em frigorífico. Nesse novo modelo, a carne passará por processo de resfriamento, antes de ser posta a venda, adequando-se, assim, a futura estrutura do açougue público, localizado no Parque 18 de Maio que, em breve, passará por reforma. A partir de então, os produtos serão expostos em balcões refrigerados.

Entre os assuntos debatidos na pauta, destacam-se a criação do regimento interno, questões disciplinares e de higiene, implantação de novos equipamentos (adquiridos pela atual gestão) e que já serão utilizados no prédio atual, entre outros.

Participaram da reunião o presidente da ASCMAFAC, Aquiles Constantino, o vice, José Roberto, o primeiro secretário, Antonio José de Oliveira, o segundo secretário, Adelmo Ananias de Lima, o primeiro tesoureiro, José Rosvaldo R. de Deus e o segundo tesoureiro, Juvanci S. de Siqueira. Também prestigiaram o encontro todos os membros titulares e suplentes do Conselho Fiscal.

Gilberto de Dora, que exerce o cargo de Gerente, nomeado pelo poder executivo, permanecerá no cargo após ser eleito, por unanimidade, pelos membros da diretoria e conselho fiscal da Associação.

A próxima reunião ficou agendada para o dia 20, deste, às 15h, com os vendedores de “fatos” (miúdos dos animais) e no dia 27 de junho, no mesmo horário, com todos os Machantes.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro