18 de julho de 2015 às 16h07min - Por Mário Flávio

Do Blog de Jamildo 

Nos bastidores, os comentários são de que Silvio Costa faz defesa do governo mais aguerrida do que muitos petistas. Foto: Câmara dos Deputados/divulgação. Os posicionamentos do deputado pernambucano Silvio Costa (PSC-PE) em defesa da presidente Dilma Rousseff (PT) incomodaram o correligionário Pastor Marco Feliciano (PSC-SP). O evangélico pediu ao seu partido a expulsão do deputado da sigla. A solicitação, divulgada pelo Estadão, foi feita nessa sexta-feira (17), logo depois que Costa fez duras críticas ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e pediu o afastamento dele por causa das denúncias de que o peemedebista teria recebido propina de 5 milhões de dólares.

Silvio Costa ironizou a postura de Feliciano e sapecou: “Não sou evangélico, mas sei que na Bíblia está escrito: perdoe aqueles que não sabem o que fazem”, alfinetou o pernambucano.

Feliciano pontua que Costa tem se pautado de maneira “espetaculosa” e se mostra solidário ao presidente da Câmara.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro