10 de outubro de 2013 às 07h25min - Por Mário Flávio

20131010-070130.jpg

Um grande publico esteve presente na manhã desta quarta-feira (9), na Câmara de Vereadores de Caruaru, participando da audiência publica que abordou a política de enfrentamento à violência contra a mulher requerida pelo vereador Marcelo Gomes (PSB).

A audiência contou com a presença de representantes dentre os quais a secretaria estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos de Pernambuco; da secretaria Estadual da Mulher; da secretaria da Mulher de Caruaru; da secretaria de Políticas Sociais; dos Centros de Referência Especializados de Assistência Social; da Comissão da Mulher Advogada da OAB-Caruaru; estudantes universitários; alunos da rede estadual e das secretarias das Mulheres dos municípios de Capoeiras e Machados, no Agreste pernambucano.

“Foi uma audiência bastante esclarecedora e produtiva, principalmente pela coragem que a jovem professora Amanda Figueiroa teve em denunciar o seu agressor, e utilizar dos dispositivos legais, a Lei Maria da Penha, para garantir sua integridade física e moral”, ressaltou o parlamentar.

Em meados de 2005, o disque denúncia foi pioneiro na parceria da polícia com a sociedade para a criação de um número telefônico para que fossem divulgadas informações de casos relacionados à violência contra a mulher, no município de Caruaru.

“Foi nesse ano que surgiu o DD-Mulher e permanece até os dias atuais prestando esse serviço a comunidade. O nosso compromisso é que esse instrumento sirva como apoio para o enfrentamento a violência contra a mulher”, disse o coordenador do Disque Denuncia Agreste, Alexandre César.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro