10 de janeiro de 2012 às 10h30min - Por Mário Flávio

Com informações do JC Online

Frente à repercussão negativa do reajuste salarial de 62% que aprovaram para os vereadores eleitos e reeleitos este ano,  os vereadores do Recife chegaram a ensaiar um recuo. Contudo, a revisão do percentual não deverá mesmo ser levada a cabo. Em período de recesso, o presidente da Casa de José Mariano, vereador Jurandir Liberal (PT), afirmou nesta segunda-feira (9) que essa possibilidade não está sendo considerada ou discutida pelo legislativo municipal. O novo salário da vereança recifense entrará em vigor na próxima legislatura, a partir de janeiro de 2013.

“Não estamos tratando deste assunto. Nem estou querendo falar desse assunto, porque tudo que se diz é deturpado. É preciso entender que o aumento corresponde a quatro anos, esse percentual não é aplicado todo ano”, defendeu o presidente da Câmara.

 A postura adotada pelos vereadores, entretanto, vai contra o clamor popular. Desde que o JC divulgou, no último dia 28, a votação do aumento no apagar das luzes da legislatura de 2011, setores da sociedade têm manifestado indignação. “Não tenho essa informação de desgaste. Não tenho essa avaliação”, reforçou Liberal.

O petista afirmou ainda que esteve na Câmara de Vereadores nesta segunda (9), mesmo em recesso, e que não foi procurado por colegas com a intenção de rever o reajuste. “Ninguém me procurou. Essa intenção não existe nem nos bastidores”, garantiu.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro