25 de junho de 2013 às 13h55min - Por Mário Flávio

Protesto

Além do manifesto da próxima quarta (26), parte dos manifestantes do Movimento Não é só pelos centavos, em Caruaru, planeja também um ato no começo da noite dessa terça (25). O foco deve ser acompanhar, a partir das 20h, a reunião da Câmara Municipal de Caruaru, localizada na rua XV de Novembro, centro da cidade. Parte dos manifestantes iria se reunir inicialmente no Grande Hotel. Segundo um dos organizadores do movimento, Antonio Vasconcelos, não há previsão sobre a quantidade de pessoas desta vez, mas os manifestantes pretendem continuar as reivindicações até serem atendidos pelo governo municipal.

No contexto

Novo ato público em Caruaru será nesta quarta-feira (26)

“Não é só pelos centavos” – Manifestantes param em frente à Câmara Municipal

Apesar de estimativa da Polícia Militar, UESC acredita em 10 mil pessoas em protesto de Caruaru

“O povo de Caruaru acordou, a gente viu a quantidade de pessoas no sábado na passeata. Há quem diga que não há motivos pra sair de novo na cidade. Mas a gente elencou os 5 pontos para reivindicar na cidade. Para o protesto de quarta, não dá pra dizer que haverá o mesmo número de pessoas, até porque o grupo está dividido, porque o ato aconteceria na terça, mas foi oficialmente marcado para a quarta. Mas, muita gente vai querer ir hoje e amanhã, por ser parada nacional. Mas pretendemos cobrar essas reivindicações até que nossas demandas sejam atendidas. Ouvimos o pronunciamento da presidente Dilma e acreditamos que ela está escutando os manifestantes pelo Brasil, mas é preciso continuar realizando os atos”, explicou.

Para esta tarde, a ideia é reivindicar as 5 demandas locais, divulgadas pelo movimento desde o protesto de sábado (22). “Hoje [25/06] serão causas locais, mas amanhã há a particularidade de ser uma agenda nacional, outras cidades participarão do manifesto e Caruaru não poderia ficar de fora”, explicou o professor de História Gustava Silva, que também participa da organização dos protestos.

Além de ser um ponto estratégico por ter grande tráfego no fim da tarde, é na XV de Novembro que se encontra também a Câmara Municipal de Caruaru. No protesto de sábado, manifestantes chegaram a sentar de costas viradas para a sede do Legislativo, como forma de cobrar dos vereadores mais atenção para carências de serviços públicos na cidade.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro