31 de maio de 2012 às 22h24min - Por Mário Flávio

É a segunda morte em menos de dois meses no trecho de Caruaru

Uma jovem de 15 anos morreu vítima de atropelamento em frente a escola Elizete Lopes, na Br 104 em Caruaru. A jovem, que morava no bairro Caiucá, faleceu após ser atropelada por um veículo quando tentava atravessar a rodovia. A situação revela mais uma vez a gravidade do local, uma vez que, faltam passarelas e atravessar de um lado para o outro da rodovia é uma tarefa de risco.

O local do atropelamento é um dos mais críticos do perímetro urbano de Caruaru, devido a altura das placas e falta de iluminação. Além disso, cerca de três mil alunos estudam e precisam atravessar a via. Revoltados com a falta de passarelas, moradores do bairro São Francisco, Caiucá e João Motta pretendem nos próximos dias fazer um novo protesto contra a falta de passarelas. Essa foi a segunda morte que aconteceu na Br 104 no trecho de Caruaru em dois meses.

O DER silencia e o governo de Pernambuco precisa urgente tomar alguma providência.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro