4 de julho de 2012 às 07h54min - Por Mário Flávio

O presidente da Câmara Municipal de Caruaru, Lícius Cavalcanti (PCdoB) deve mesmo sair como candidato à reeleição nestas eleições municipais. Depois que o partido comunista na cidade abandonou o projeto de candidatura própria em nome da unidade da Frente Popular, Lícius passou a discutir se seria viável uma candidatura a vereador. N entanto, às vésperas do fim do registro de candidatos junto ao TSE, o comunista está discutindo se, enquanto candidato, vai subir ou não no palanque de Zé Queiroz.

“O PCdoB declara apoio à Frente Popular e, dentro dos projetos de unidade do grupo, o partido acredita na renovação do mandato do prefeito Zé Queiroz. Na minha situação em particular, estamos ainda discutindo e até quinta-feira deveremos ter uma posição sobre isso”, ressaltou. Sem declarar apoio à reeleição do prefeito, Lícius manteria a imagem de independência que buscou construir junto à população e poderia sustentar tal postura sem conflito direto com o PCdoB estadual, já que ele não estaria impondo ao diretório local que não apoiasse Queiroz, seria uma postura particular. Decisão essa que agiria em conformidade com a postura tomada pelo vice-governador João Lyra (PDT), a quem Lícius defendeu por ter declarado em carta aberta que não subiria no palanque do prefeito.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro