13 de abril de 2012 às 00h17min - Por Mário Flávio

A cada dia as fraturas na Frente Popular em Caruaru ficam mais expostas. Na reunião dessa quinta-feira na Câmara Municipal, o vereador Leonardo Chaves (PSD) tocou mais fogo na questão e após elogios de Louro do Juá (DEM) ao vice-governador, soltou a seguinte frase. “Vereador Louro o senhor está certo, quem tem um amigo como João Lyra, não precisa de inimigo”. A frase de Leonardo causou espanto na Casa Jornalista José Carlos Florêncio, já que a questão do fogo amigo é pouco comentada na Câmara.

Fui ao peesedista e perguntei qual era o motivo das declarações sobre o vice-governador e o mesmo disse sem rodeios. “João Lyra é o vice-governador de Pernambuco, ele é do PDT e sabe das dificuldades que Zé Queiroz enfrentou porque pegou uma prefeitura arrasada moralmente e financeiramente, além de atravessar muita dificuldade pra reorgarnizar a prefeitura de Caruaru. Queiroz pegou a prefeitura com um débito de mais de 80 milhões de reais, já pagou mais de 33 milhões, dinheiro que dava para reurbarnizar grande parte da cidade. Diante disso, vira e mexe João Lyra alfineta Zé Queiroz. Após todas as entrevistas que João Lyra concede a oposição vem aqui e elogia João Lyra e toca fogo. Não sei qual é a intenção dele, mas não fica bem para nós da Frente Popular, ou a gente se une ou entrega o governo ao inimgo”, disse.

O ex-aliado de Tony Gel a quem hoje chama de inimigo, tem uma relação muito delicada com João Lyra, já quem ambos não se bicam faz tempo e a situação piorou após a briga entre João e Queiroz, na década de 1990.

 

Leonardo disse que João Lyra incentiva a oposição

 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro