10 de junho de 2015 às 15h57min - Por Mário Flávio

  
A Secretaria de Defesa Social entrou com uma ação junto ao TJPE para suspender o movimento de paralisação de 48 horas da Polícia Civil.  O Tribunal de Justiça, por meio de antecipação de tutela, determinou nesta quarta-feira (10/06), a suspensão imediata da paralisação dos policiais civis do Estado.

O Desembargador José Fernandes de Lemos determinou a suspensão do movimento com o imediato retorno dos policiais civis às suas atividades, a partir da ciência da decisão por parte do Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Pernambuco – SINPOL, sob pena de multa fixada em R$30.000,00 (Trinta mil reais) por dia de atraso, conforme decisão abaixo.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro