29 de dezembro de 2011 às 19h11min - Por Mário Flávio

Durante a assinatura da ordem de serviço de macrodenagem em Caruaru, o prefeito José Queiroz (PDT) parecia bem à vontade para elogiar a trajetória do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho (PSB). Queiroz citou que ambos tinham pontos em comum, por conhecerem a estrutura de cidades em desenvolvimento que precisam se planejar para não sofrerem com desigualdades sociais no futuro, referindo-se a Caruaru e Petrolina. Na verdade, o prefeito chegou a referir que Bezerra Coelho tem sido chamado de “queridinho de Dilma” em alguns círculos políticos pelo país, por sua atuação no ministério.

“A gente recebeu hoje alguém que no dia a dia tem comprometimento com os nordestinos. Ele é chamado de queridinho de Dilma não por conveniências políticas, mas pela sua competência profissional”, explicou o prefeito.

Além disso, o prefeito aproveitou para dizer que apreciaria se o ministro voltasse logo depois do carnaval, para apresentar os investimentos de pavimentação de estradas na zona rural. “Além do orçamento de macrodenagem, já tínhamos apresentado o projeto para a zona rural, que avaliava R$ 90 milhões. Na época Fernando tinha inclusive sinalizado uma vontade mais urgente de realizar as obras de pavimentação, mas não não seria possível encaixar no orçamento deste ano, acredito que não possa ser no início de 2012, mas teremos novidades durante o ano sobre esse investimento”, finalizou.

Prefeito considera que FBC tem muito destaque no Ministério da Integração


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro